Av. Eng. Atílio Correia Lima nº 1.549, Cidade Jardim(62) 3235-6222 / 6223 - E-mail: comunicacao@tiradentes.org.br

Fundação Tiradentes implementa método para avaliar atendimento no HPM

Publicação 6 de 459

A Fundação Tiradentes ativou nesta quinta-feira (14) um novo modelo de mensuração de satisfação para os atendimentos realizados no Hospital do Policial Militar (HPM). O Net Promoter Score – NPS, em vigor nos Programas de Assistência Social e Programa Fardamento da instituição desde junho de 2018, avalia o grau de fidelidade dos beneficiados pelo serviço em uma escala de 0 a 10, por meio de resposta a SMS, mensagem de texto do celular pela qual ocorre a avaliação, de forma gratuita.

Seguindo as melhores práticas de mercado e com o objetivo de mensurar assertivamente o nível de satisfação dos beneficiários, a Fundação Tiradentes irá acompanhar e cuidar das tratativas presentes nos relatórios de resultado do NPS. Respeitando metodologia, em uma escala de 0 a 10, os detratores (pessoas insatisfeitas), são os que dão nota de 0 a 6, as pessoas que se consideram neutras dão nota 7 e 8, e os promotores (os que incentivam o serviço prestado) são classificados nas notas 9 e 10.

Os serviços que serão avaliados, nesta primeira etapa de implementação, são: consultórios médicos, Centro de Saúde Integral do Policial Militar (CSIPM), Pronto Atendimento, Laboratório Clínico Cel Vasco Martins Cardoso, Fisioterapia, Ergometria, Raio-x, Oftalmologia, Ultrassonografia, Audiometria, Psicologia e Holter.

Implantado o Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) em 2012, com certificação ano após ano, a instituição implementa meios para avaliar a satisfação de seus beneficiários. Neste novo modelo para o HPM, após passar por um atendimento, o beneficiário receberá um SMS para dar sua nota de 0 a 10. O resultado é observado cotidianamente pelo gerente da área e as tratativas serão fornecidas o mais breve possível.

Destacamos, novamente, que o SMS é gratuito. Portanto, ao receber o nosso contato, não deixe de colaborar com a sua nota para que possamos melhorar os serviços oferecidos aos policiais militares e familiares.

Tags: